Galo vence o Defensor por 2 a 0 fora de casa e abre larga vantagem na Libertadores



Por: Alecsander Heinrick


Resumo: Defensor 0 x 2 Atlético

Na quarta-feira (20), o Atlético voltou ao Uruguai para mais um confronto da pré Libertadores. Em jogo válido pela primeira partida da terceira fase da pré Libertadores, o Galo venceu o Defensor na casa do adversário e encaminhou sua classificação para a fase de grupos, a partida terminou em 2×0 para o alvinegro com os gols sendo marcados por Réver e Cazares.

Levir Culpi mais uma vez repetiu o time que já vinha jogando nos outros jogos, mesmo com críticas ao volante Adilson e, principalmente, ao lateral direito Patric, o técnico bateu o pé e os manteve no time.

Foto: Bruno Cantini / Atlético

Primeiro Tempo

O jogo começou com os dois times se estudando, o Galo, por ser um time melhor tecnicamente tentou se impor mais, mesmo jogando fora de casa. No primeiro lance de real perigo, o Galo já abriu o placar. Aos 10’, após Fábio Santos sofrer falta, Cazares levantou na área e, contando também com a saída errada do goleiro, Réver cabeceou para o fundo do gol. Aos 12’, o Galo chegou de novo com muito perigo, Cazares chegou na linha de fundo e com capricho cruzou para Ricardo Oliveira, o goleiro Gáston Rodríguez deu um tapinha na bola evitando que ela chegasse no atacante alvinegro. Logo em seguida, em respostas rápidas do Defensor, primeiro aos 13’ com Navarro que foi travado por Igor Rabello dentro da área e depois aos 14’ com Pablo López que fez excelente jogada individual, mas pecou na finalização e mandou por cima do gol. Aos 15’, quase o artilheiro Ricardo Oliveira ampliou o marcador, a defesa do Defensor errou e a bola sobrou para o atacante, ele driblou o goleiro e bateu para o gol, mas numa ótima recuperação a defesa cortou a bola antes que entrasse. Aos 21’, Cazares recebeu na entrada da área e ficou sem opção para fazer a jogada, na ousadia, tentou bater por cobertura mesmo com o goleiro não muito adiantado, a bola passou relativamente perto mas não levou muito perigo. Aos 26’, mais uma grande chance do Atlético, desta vez com Luan. Luan tabelou com Ricardo Oliveira e saiu na cara do gol, mas pegou muito mal na bola e desperdiçou a chance. Aos 29’, Chará arriscou de fora da área e quase ampliou o marcador, a bola passou raspando a trave. Aos 36’, o Defensor chegou de novo com perigo, dessa vez em um erro de Patric, o lateral tentou dominar a bola quase dentro da pequena área atleticano, dominou mal e a bola sobrou para Pablo López que finalizou, mas Victor estava atento e salvou o Galo.

Réver marcou seu primeiro gol na sua volta ao Atlético – Foto: Bruno Cantini / Atlético

Segundo Tempo

O segundo tempo começou com o Defensor tentando sair um pouco mais, mas foi o Galo que chegou com perigo primeiro, Aos 04’, Patric tocou para Ricardo Oliveira que ajeitou de canhota e bateu firme, a bola passou muito perto da trave mas foi para fora. Aos 06’, o Atlético vacilou na defesa e o Defensor chegou, após confusão na área, a bola sobrou para Laquintana que acabou chutando para fora. Aos 12’, Ricardo Oliveira levou muito perigo batendo falta da entrada da área na qual o goleiro Gáston deu um tapinha na bola para escanteio. Aos 16’, Cazares viu muito bem a chegada de Fábio Santos pela esquerda, o lateral invadiu a área já batendo de primeira, mas não pegou tão bem e bateu em cima do goleiro adversário. O Galo recuou um pouco e o Defensor teve mais a posse, mas a falta de qualidade do time uruguaio acabou fazendo com que eles não levassem tanto perigo. Aos 30’, Luan fez boa jogada e tocou para o meio da área, Chará chegou com tanta velocidade que acabou passando da bola e tocando muito mal nela, desperdiçando grande chance. Antes, aos 25’, Levir fez uma substituição no mínimo curiosa, tirou o atacante Ricardo Oliveira e colocou o volante Zé Welison. Aos 32’, o Galo chegou ao segundo gol. Patric recebeu na direita e deu cruzamento perfeito na cabeça de Cazares (que virou falso 9 com a saída de Ricardo) que cabeceou tranquilo para ampliar o marcador. Aos 36’, quase o terceiro do Galo. Luan lançou Cazares que driblou o goleiro mas ficou sem ângulo, o equatoriano devolveu para Luan que acabou demorando muito e desperdiçando mais uma chance. No último lance do jogo, aos 49’, Cazares quase marcou um gol de placa, na lateral direita do campo, ele driblou dois jogadores com uma jogada só e, de canhota, bateu com muito capricho, a bola encobriu o goleiro adversário e bateu na trave, dando fim ao jogo.

Patric e Cazares comemorando o gol do equatoriano com a assistência do lateral – Foto: Bruno Cantini / Atlético

FICHA TÉCNICA

Defensor 0 x 2 Atlético

Motivo: Copa Conmebol Libertadores – Terceira fase (Ida)

Data: 20/02/2019

Hora: 21:30 (de Brasília)

Estádio: Luis Franzini-URU

Gols: Réver (10’/1ºT), Cazares (37’/2ºT)

Árbitro: Néstor Pitana (ARG)

Auxiliares: Juan Pablo Belatti (ARG) e Pablo M. González (ARG)

Cartões amarelos: Elias, Réver (Atlético); Nicolás Correa (Defensor)

Defensor: Gastón Rodríguez; Santiago Carrera, Nicolás Correa, Maximiliano Perg (Ergas), Álvaro González, Gonzalo Nápoli, Martín Rabuñal, Emiliano Gómez, Joaquín Piquerez (Ignacio Laquintana), Pablo López (Facundo Milán) e Álvaro Navarro; Técnico: Jorge Da Silva.

Atlético: Victor; Patric, Réver, Igor Rabello, Fábio Santos, Adilson (Jair), Elias, Luan, Cazares, Chará (Maicon Bolt) e Ricardo Oliveira (Zé Welison); Técnico: Levir Culpi.


Estatísticas da Partida


As estatísticas da partida em outra perspectiva


Siga o Galo Estatísticas nas redes sociais:

–> Twitter

–> Instagram

Compartilhe e opine!

–> Twitter: @aIecss



Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *